terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Café, chuva e idéias...

O café é amargo, a chuva é de verão, mas as idéias são boas...se é que podemos qualificar algo abstrato como idéias.

Ahh, meus planos são desenganos. Aquilo do "nem sempre têm-se o que se quer", pra mim sempre foi um "nunca se tem o que se quer". As vezes pior, as vezes melhor, mas como eu planejo, nada se faz...Bem que dizem que Deus é um cara gozador, adora brincadeira. Tô com Ele, adoro-as também.

Não desistos dos planos/projetos/sonhos, ainda assim...

Vejamos os d'agora:

Vou montar uma banda -- É atemporal, mas já tô trabalhando nisso, extentendo meu repertório pro antigo, porém, até então, inexplorado.
Deveriam aproveitar mais o que já foi feito em termo de música do que persistirem nessa busca louca de ritmos novos, inventando qualquer coisa (sambaxé, pagoreggae, etc).
Mas a humanidade é toda assim...Vão procurar a resposta no espaço, tendo um mar tão vasto e um "universo" desconhecido no próprio planeta...

"Ninguém" ouve, "ninguém" toca...
Dica pra Moças Nº 7:
1. Se você quer dar o troco, terminar de vez, ou ferrar o cara por qualquer outro motivo, fale de outro(s) cara(s)... "Tantos outros me amaram muito mais e melhor que você", é, sem dúvida, uma das maiores apunhaladas desse gênero.

"Gosto é que nem braço, tem gente que nem tem...". Mas isso não é puramente uma questão de gosto, acho. O caso é mais grave, é aquilo do deixar-se levar pelas massas, da carência de amor própio...

Não consigo crer que o sucesso de "rala a checa no chão", Calypso e outros do gênero -- todos sabem o gênero do qual estou falando, não sabem? -- é devido ao apreço que as pessoas têm por eles.

Bom, vamos ao cinema, agora.



Perguntei ao barbudo( Guel Arraes ) porque ele mesmo não atuava, ele ainda não me respondeu...

Vou gravar uns videos, também, uns filmes talvez, um dia. Em breve, espero. Um amigo me deu a idéia de gravar baseado em alguns coisas que eu escrevo, e ele também tem bons roteiros, espero postar um desses futuros videos logo.

Dica Cafa N 12º:
Nunca deixe de puxar um papo com a mulher que está do seu lado na sala de espera, de colocar a mão na cintura da mulher que está dançando um trance na sua frente, de beijar aquela que mantém a boca tão perto da sua e os olhos em seus olhos enquanto vocês dançam, porque você se arrependerá...
Seremos, sempre, atormentados pela lembrança das mulheres que não tivemos, talvez porque não arriscamos.

2 comentários:

Celamar Maione disse...

Não desista dos planos !
Monte a sua BANDA , por favor.
E pára de dar dicas de Cafas..rsrrs
O homem é assim mesmo, quer sempre a que vai embora e não se despede.Quer a que não tem. Será que Freud explica?
Beijão

Mirabelle disse...

Tarrrrrde!
Opa, vim aqui responder as perguntinhas que deixou em meu blog:

"Já experimentou com leite condensado?!"
R:Claro! Sublime, sublime...foi depois de deliciar-me com morangos e leite condensado que escrevi aquilo, acredita?

"Porque as mulheres tatuam flores e os homens dragões?"
R:Minha ideia inicial era um dragao...mas tinha que começar com algo menor, assim, escolhi a rosa, tattoo feita no dia em que completei 18 anos: "Flor da Idade".

Curiosidade: Se eu tivesse feito um dragão...seria eu uma menina-menino? hahahah)

Adorei o teu blog...super criativo!
;)
Vou favoritar!

Besos, hasta la vista!