quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Do útil e do fútil

Seu Robemilson é um minerador, por seus hábitos simples, seu jeito humilde e por não aparentar ser dono de grandes riquesas materiais, diz-se-ia que é um homem simples. Mas a verdade é outra, Seu Robemilson -- Para esclarecer: Dona Eteuvina, mãe de Seu Robemilson, era uma senhora simples e de educação precária, quando teve o filho em questão, recebeu inúmeras sugestões, entre elas a de homenagear seu bisavô, Robemilson. Robemilson, o bisavô, era um homem distinto e todos na região de Mataucária usavam o pronome de tratamento "Seu", antes de seu nome, como forma de respeito. Crendo que tal pronome era, não um pronome de tratamento, mas parte do nome de Robemilson, o bisavô, Eteuvina acrescentou-o ao nome de seu filho, Seu Robemilson -- é um homem que sustenta inúmeras futilidades.


Seu Robemilson acorda às 4:50, antes do nascer do sol. Acorda a esse horário para ver o nascer do sol, evidentemente não precisa disso, faz por puro capricho. Chegava à Mina às 6:00. -- Seu Robemilson chegou a comprar um relógio diginal para não se atrasar. Poderia ter comprado um "de ponteiro", mas demorava muito para "ver as horas" neste e, por capricho ou comodidade, preferiu pagar mais caro pelo digital. -- Quando encontrava ouro, entregava ao supervisor e recebia o pagamento.

O ouro ia para a distribuidora na cidade mais próxima, quando pequena, ali ficava, nas mãos da mulher do dono ou eu uma loja qualquer, quando grande, ia para a distribuidora da capital, quando não muito grande, ali ficava, quando não, ia para uma distribuidora de cobertura nacional... E assim, inexorávelmente, o ouro tinha um fim fútil, como anel ou brinco de madama, o que torna todo o trabalho de Seu Robemilson algo também fútil.

Enfim, talvez, seguindo esse raciocínio, filósofos e pensadores modernos poderiam dizer que tudo(ou quase) é fútil, mas não é isso que eu quero dizer. O que faço aqui é só uma apelo. É por causa de pessoas que levam vidas fúteis como a de Seu Robemilson que o mundo não progride para todos... Seu Robemilson, toma vergonha na cara e faça algo útil!

4 Comments:

  1. Flávia said...
    querido, esses código que te passei tem que ser inserido no código-fonte do seu blog, entre as tags head e /head. Não sei se vc entende de HTML, mas mesmo que não entenda é bem fácil de achar. Te recomento salvar uma cópia do seu template, por vias das dúvidas.

    Beijo!
    Celamar Maione said...
    Seu Robemilson é mesmo uma coisa de inútil...
    Acorda cedo pra ficar mais tempo fazendo inutilidades.
    Beijão
    Gabriela Domiciano said...
    Férias, estou de férias!!!
    Mas que coisa inútil, não é msm......hauhuahauhauah

    logo, logo vou postar novos textos!!!

    =D
    Mundo Cólica said...
    talvez o mundo necessite de coisas futeis pra ser algo mais serio,profundo.


    temos gostos em comum.engraçado,nem nós mesmos do blog tinhamos percebido aquilo.acaba que a emoção manda recados pra razão,e tudo fica ali,nas subilinhas.

    =*Mah.

Post a Comment